Nós fazemos sua horta doméstica

Estamos concluindo uma brigada ecológica para ocupar a cidade. Um carro kombi, cheio de novidades, em breve circulará pela cidade com as campanhas, as ações, as palestras, os livros e tudo o mais. Trata-se da Caravana Ecológica Panakuí, uma estratégia que usaremos para levar as iniciativas ecológicas até a sua casa.

Estamos com muitas mudas, sementes, um cardápio com várias ações, todas passíveis de serem replicadas em pequenos espaços, como na varandas e nos pequenos quintais.

Assim, implantamos a campanha Resíduo orgânico zero, ampliamos a rede sítio ecológico urbano, fazemos a micro-horta e outras ações. 

Em breve lançaremos uma grande ação voltada à difusão das terapias ecológicas. Mais uma ação realizada através da Universidade Livre.

Abaixo, as fotos da nossa horta urbana, feita uma área de 40 mt 2.

Vamos fazer a horta urbana? Liga que nós vamos aí na sua casa! 98 8888 3372

DSC07604 DSC07605 DSC07607 DSC07609

Panakuí e AABB promovem oficina e sorteiam 15 vagas para multiplicadores ecológicos

Terapia Ecologia e Estresse. Na Alchimia. Participe

O que podemos fazer com borra de café em São Luís? Participe desta iniciativa.

A nave Panakuí está quase pronta…

Venha conhecer o maior laboratório de ecologia intuitiva do Maranhão.

Inicia-se a introdução do tema Ecologia e Estresse na Saúde de São Luís.

Urgente! São Luís resíduo orgânico zero.

Panakuí, o seu negócio solidário e ecológico.

Ame São Luís. A semana do meio ambiente começa domingo. O que você vai fazer?

Oficina Sítio Ecológico forma multiplicadores em Rio Branco

A noite da Ecologia e estresse na Biblioteca da Floresta.

Moisés Matias Lançará Ecologia e Estresse na Biblioteca da Floresta

As raízes do sítio ecológico estão no coração

Rede Sítio Ecológico no Acre

Chico Mendes refundou o debate ecológico no mundo, quando se insurgiu contra o desmatamento da floresta, contra a expansão das fazendas, contra a construção da BR 364, contra o empréstimo do Banco Mundial, sem as garantias de preservação da vida das pessoas. Com os empates, a reação pacífica de protesto, a ação de Chico Mendes ainda repercute em diversos recantos do planeta.

Hélio Soares, com sua arte intuitiva, retratou a ação da resistência nas suas telas pintadas com pigmentos da Amazônia.

Mas o Matias, o meu pai, foi o grande filósofo da resistência cultural, fazendo a arte popular do homem e da mulher das florestas Acreanas.

Atualmente o termo Florestania anda meio fora de moda,  a devastação avança, no Acre e no mundo, com as crise de água, energia, barragens e clima, entre outros.

Mas agora estamos em Rio Branco e trazemos na bagagem a proposta da S.I.A Panakuí, que propõe a implantação da Rede Sítio Ecológico no Acre, uma estratégia de valorização da cultura tradicional, dos recursos naturais, da ativação da Felicidade Interna Bruta (FIB).

Nesta semana faremos o lançamento dos livros Ecologia e Criatividade e Ecologia e Estresse.

Chico Mendes, Hélio Melo e Matias estão vivos e continuam propagando a Revolução ecológica. É o foco da proposta da S.I.A Panakuí, que em breve estará com um(a) parceiro(a)fotos 184 em cada município do Acre, do Maranhão e do Brasil. Contatos 98 8888 3372.

As amizades estão na rede da ecologia do coração

 

Nas interações ecológicas, conheci alguns amigos (as) que são verdadeiros irmãos (ãs). Rosalvo Júnior conheci nas interações do coletivo ecológico do PT. Marina ainda era Senadora, e Cristovão Buarque o governador de Brasília.

Desde então, vivemos uma relação de amizade que transcende o tempo e o espaço. Na carta abaixo o Rosário Jr apresenta-me umImagem amigo. Ainda não connheço, o Welintos Miranda, não li o texto sugerido, mas a referêcia já basta para tê-lo como um futuro e especial amigo.

Compartilho aqui a preciosa carta de Rosalvo Jr para mostrar às muitas amizades, e leitores, que na vida ecológica que buscamos o que verdadeiramente conta é o intangível que nos toca o coração. Valeu, amigo Rosalvo!.  

 

Prezado Moisés,
 
O Wellington é um grande companheiro, tão grande quanto você.
 
 
Prezado Wellington,
 
O Moisés é um grande companheiro, tão grande quanto você.
 
 
 
Prezados Moisés e Wellington, Wellington e Moisés,
 
Vocês são um grandes companheiros; não sei qual dos dois são maiores.
 
E espero que um dia vocês se conheçam, pois este é o objetivo deste meu e-mail. Wellington, combine com Moisés de você ir até São Luís-Maranhão para conhecer o sítio ecológico Pakanuí (nunca sei o nome correto), pois ele já começou, ao modo dele – pessoal e específico – , fazer o que você pretende, conforme o teu texto “Gastronomia”, arquivo anexo. Moisés já tem alguns livros sobre o tema de sítio ecológico e hoje está numa militância naquela região de São Luís.
 
Ou seja, vocês dois, mesmo sem se conhecerem, fazem algo semelhante (veja; não disse “igual”). Isso acontece por causa do inconsciente coletivo brotando, onde lá no alto as ideias se encontram e são compartilhadas. Sigam em frente, conforme pensam deve ser, pois ninguém – além de vocês próprios – sabem o que é bom e o que deve ser feito; vieram nesta encarnação para fazerem isso que já fazem. Eu apenas sou um “fazedor de pontes”, tentando ligar os lados, ou melhor, tentando ligar as margens; esta é a minha senda. Por isso, também, sem pedir licença ao Wellington, enviei este texto ao Moisés, o qual peço manter total discrição e respeito ao direito autoral do texto, a não ser que Wellington autorize.
 
Hoje não tenho comigo os telefones de Moisés, apenas o de Wellington (61-8116-8280). Peço também que troquem telefones e e-mails, e combinem um encontro no sítio Pakanuí o mais breve possivel, com Moisés enviando logo para Wellington os livros disponíveis, antes de chegar em São Luís. Moisés, não tenho teus telefones, apenas estes e-mails, os quais não sei se estão atualizados ou se ainda você os utiliza. Caso não receba resposta de Moisés irei, amanhã ou depois, tentar comunicar-me contigo, Moisés, pelo facebook.
 
Wellington, teu texto é grande e denso. Precisarei de alguns dias para concluir a leitura dele.
 
Boa sorte à todos. Felicidades, paz e amor. Continuem fazendo, como já fazem; é isso que Deus espera de vocês. É isso que a humanidade esperam de vocês.
 
Um abraço companheiro,
 
Rosalvo Junior

Ecologia e estresse nas ondas da Universidade FM

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 4.124 outros seguidores