Estrelinha reúne um seleto grupo de ecologistas intuitivos no Panakuí

Vivência ecológica com um grupo de amig@s da professora Estrelinha

 

Ana Teresa Rabêlo, a Estrelinha, teve contato com o Sítio Panakuí durante a SBPC, que aconteceu no Campus da UFMA, em agosto. Dona de um belo sítio emocional, Estrelinha, professora de teatro, então começou a arregimentar pessoas para a vivência no Sítio Panakuí.

Neste domingo, 14.10, Estrelinha  e outras mulheres maravilhosas – mas também o terapeuta José Diniz – estiveram no Sítio Panakuí, onde experimentaram o ar, o sol, a brisa, a paisagem, a alimentação orgânica, as caminhadas e tudo o mais que podemos oferecer durante a vivência ecológica.

Foi um belo dia. Muitas conversas, o muito ouvir, o pouco falar. Entre uma atividade e outra, uma aprendizagem com a doutora Maria de Fátima Carvalhal. Na roda do saber tradicional o fio da memória revela as lembranças guardadas no baú da emoção. Somos tod@s ecológic@s, mas o sensível que nos liga ao mundo da beleza e da serenidade está adormecido no emocional profundo.

Nas trilhas do Panakuí, na música sinfonada entre as folhas das palmeiras, cada um refaz o desenho do mundo situado entre a sonho, a utopia e a ação que transforma, seja na alimentação, na horta da varanda, no cuidado com o lixo, com a água, com a vida.

José Diniz, terapeuta, ao lado da esposa, Ilse Gomes, floralista e professora da UFMA, sinaliza com a parceria entre o Sítio Panakuí e o Centro de Tecnologia Oriental (CTO). Em breve anunciaremo uma vivência de florais no Sítio Panakuí, com  Ilse Gomes.

Este foi apenas o primeiro encontro deste grupo que conspira para fazer o mundo um pouco mais ecológico.

Participaram da vivência: Ana Teresa, Nora Tarangone, Delci Carvalho, Maria Mariel, Maria Carvalhal, Irene Sodré, José Diniz e Ilse Gomes.

Por Moisés Matias, com participação especial de Kels-Cilene P. Carvalho

Este slideshow necessita de JavaScript.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Sobre panakui

O site www.folhadoamanha.net e o Sítio Panakuí convidam para a oficina Sítio Ecológico, um guia para salvar a terra, ministrada pelo jornalista e ecologista Moisés Matias. O pesquisador desenvolveu uma metodologia de valoração dos recursos naturais e culturais, um método de criação de um circulo virtuoso, similar ao indicador de Felicidade Interna Bruta (FIB), ou seja, onde há, supostamente, pobreza e tristeza, floresce a fartura e a felicidade. A oficina acontece nos sábados, no Sítio Ecológico onde foi desenvolvido o estudo. As inscrições podem ser feitas pelo fone (98) 3253 3372, ou pelo e-mail moises-matias@ig.com.br "Aprenda a fazer um sítio na sua casa, no seu apartamento ou em uma área de terra. Assim você estará atuando firme, em seu local de moradia,para salvar o planeta.

Publicado em 14/10/2012, em ecologia e criatividade, livro, manifesto, meio ambiente, Palestras, Vivências e marcado como . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s