Veneraldo Costa recebe o prêmio Amigo da Terra, pela invenção do Secador Solar.

Veneraldo Costa, inventor, recebe hoje o diploma de Amigo da Terra, neste Dia da Terra, concedido pelo Sítio Panakuí.
O Secador Solar, um equipamento que seca os resíduos orgânicos domésticos, utilizando a energia do sol, e os transforma em ração para aves, peixes e animais diversos. Também pode ser usado para secar frutas e verduras.
Todo montado, ele cabe em uma pequena caixa e pode ser instalado em varandas, garagens e outros pequenos espaços, desde que tenham a incidência da luz solar.
Com o uso e a massificação do equipamento, a cidade de São Luis poderia aproveitar as sobras de alimentos, estimadas ao dia em 500 toneladas, um prejuízo/dia de até um milhão de reais para as unidades produtoras, as famílias.
Não está na conta a despesa do poder público para recolher e carregar para os lixões, nem os danos ambientais conseqüentes.
O Secador Solar em breve será uma utilidade doméstica, como o liquidificador.
Com o Secador Solar as prefeituras podem, em vez da coleta do lixo, comprar o resíduo orgânico seco, mais leve, por um valor simbólico, repassando-o gratuitamente aos criadores de aves, animais e peixes.
Em breve o invento de Veneraldo Costa, o Secador Solar, estará recebendo prêmios nacionais e internacionais, por sua capacidade de resolução do grave problema do resíduo orgânico nas cidades.
O Sítio Panakuí sai na frente e concede, neste Dia da Terra, o Título de Amigo da Terra ao Veneraldo Costa, pela genial criação de um invento simples que tem capacidade de transformar uma cidade e mudar a vida das pessoas para melhor.
Parabéns!
(contato com o inventor pelo fone 98 8129 0180)
100_7683

Sobre panakui

O site www.folhadoamanha.net e o Sítio Panakuí convidam para a oficina Sítio Ecológico, um guia para salvar a terra, ministrada pelo jornalista e ecologista Moisés Matias. O pesquisador desenvolveu uma metodologia de valoração dos recursos naturais e culturais, um método de criação de um circulo virtuoso, similar ao indicador de Felicidade Interna Bruta (FIB), ou seja, onde há, supostamente, pobreza e tristeza, floresce a fartura e a felicidade. A oficina acontece nos sábados, no Sítio Ecológico onde foi desenvolvido o estudo. As inscrições podem ser feitas pelo fone (98) 3253 3372, ou pelo e-mail moises-matias@ig.com.br "Aprenda a fazer um sítio na sua casa, no seu apartamento ou em uma área de terra. Assim você estará atuando firme, em seu local de moradia,para salvar o planeta.

Publicado em 22/04/2013, em ecologia e criatividade, livro, manifesto, meio ambiente. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s