Seja a solução. Não jogue dinheiro fora

A solução caseira para a crise do lixo

O aeroporto de São Luis poderá ser interditado por conta da presença de urubus.
O Aterro da Ribeira, instalado a menos de 8 km do aeroporto, é uma ameaça permanente, pois as aves de rapina, os urubus, passam a plainar no céu e se tornam o terror para as aeronaves.
Pois bem, tenho uma solução caseira para o problema.
Vamos desativar completamente o Aterro da Ribeira e, a partir de hoje, vamos fazer o tratamento completo do lixo dentro de casa. Isso Mesmo!
É exatamente isso que faço, na minha casa, há mais de dois anos. Todo o lixo orgânico da residência , cerca de 25 kg por semana, é totalmente reaproveitado.
Casca de banana, sobra de comida, verduras passadas e outros resíduos se transformam em adubo líquido e em adubo sólido e acabam voltando para a cozinha na forma de verduras e legumes.
O Governo pode montar um sistema de formação e estimular as pessoas, em suas casas, a tratar o material orgânico, na sua cozinha.
Assim, a massa de lixo sofrerá uma redução de mais de 60 %, baixando consideravelmente o custo bancado pelo contribuinte da coleta do lixo. Todos sabem: é o lixo orgânico que estraga, atrai animais, insetos, doenças. E os urubus do aeroporto.
Com o tratamento do lixo, nas residências, a área interna das casas fica limpa, há uma considerável economia doméstica. O que vai para o lixo é dinheiro, até do salário, uma vez que foi comprado no peso.
As casas ficam mais limpas, a cidade fica mais limpa, há mais saúde e alimentos, com a construção de pequenas hortas nas varandas e nos pequenos quintais. Muito simples, não?
E revolucionário. Os interessados podem obter mais informações no 8888 3372PAG 3 - SÃO LUÍS RESÍDUO ORGÂNICO ZERO – 2013 copy
Moisés Matias

Sobre panakui

O site www.folhadoamanha.net e o Sítio Panakuí convidam para a oficina Sítio Ecológico, um guia para salvar a terra, ministrada pelo jornalista e ecologista Moisés Matias. O pesquisador desenvolveu uma metodologia de valoração dos recursos naturais e culturais, um método de criação de um circulo virtuoso, similar ao indicador de Felicidade Interna Bruta (FIB), ou seja, onde há, supostamente, pobreza e tristeza, floresce a fartura e a felicidade. A oficina acontece nos sábados, no Sítio Ecológico onde foi desenvolvido o estudo. As inscrições podem ser feitas pelo fone (98) 3253 3372, ou pelo e-mail moises-matias@ig.com.br "Aprenda a fazer um sítio na sua casa, no seu apartamento ou em uma área de terra. Assim você estará atuando firme, em seu local de moradia,para salvar o planeta.

Publicado em 25/08/2013, em ecologia e criatividade, livro, meio ambiente, negócios, Vivências. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s