A nova escola ecológica está sendo erguida no Panakuí

Foi uma terça-feira (13.10) movimentada, no Panakuí. Estudantes da Unidade de Estudo Básico Primavera, do Cohatrac, as séries 61 e 62, liderados pela professora Avanne Dominici, participaram de um dia de ecologia profunda, onde cultivaram plantas, caminharam no mangue, aprenderam a fazer sementes germinados, brotos comestíveis, entre outras ações.

A iniciativa faz parte das ações da professora de geografia da rede pública, Avanne Dominici, que reúne os estudantes, faz campanha e consegue recursos para as despesas. “Nós preparamos o dia de campo desde o primeiro semestre. Os estudantes começam a fazer a poupança, avisamos os pais e assim conseguimos os recursos da viagem”, conta a professora.

Todos os anos a professora realiza vários passeios ecológicos com as turmas.Trata-se da construção da escola que precisa ser construída nos escombros do agonizante modelo disciplinar, onde os estudantes são jogados em uma sala e recebem um conteúdo livresco, sem a interação prática,  intuitiva e emocional, tão importante para a aprendizagem.

Eles chegaram às 09:00 hs no portão do sítio. Depois de uma rápida interação, começam as atividades debaixo das árvores, na floresta, na beira do mangue. Eles cheiram, tocam, pulam e cantam. No mangue, coletam caranguejos, experimentam o sal marinho das folhas.

Após o almoço coletivo, recomendado para ser ecológico, participam da oficina de preparação da terra e plantio de mudas.

Sempre com rodas e canções, a alegria faz parte da aprendizagem. Na preparação do barro para a construção de tijolos ecológicos, todos querem amassar o barro com os pés e com as mãos.

É assim que estamos contribuindo para a construção da nova escola ecológica. Que venham outras turmas. A cultura educacional precisa ser revista. Precisamos da pedagogia ecológica e ela é feita na prática, com a produção de hortas nas escolas, com a merenda orgânica, a separação do resíduo e o reaproveitamento, entre outras iniciativas. Ao final do dia, as crianças recolhem o resíduo produzido, alimentam os animais com as sobras do almoço e trazem de volta os plásticos e embalagens.

Outras visitas da professora Avanne e suas turmas já estão  agendadas. Infelizmente, no Maranhão, ainda se trata de ações isoladas de abnegados como a professora Avanne e suas animadas crianças. Em breve seremos milhões. Venha você também, traga as crianças e vamos fazer a nova escola ecológica que o mundo tanto precisa!

Agendamento pelo número 98 98888 3372

Publicado em 14/10/2015, em artigos. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s